30
out
09

dancing with myself.

agsd

Sei lá, eu não sei quando é que uma pessoa precisa de um tempo para ela mesma, só sei que depois que a primeira vez acontece, isso passa a ocorrer com um frequencia maior, é como se quando está só consigo mesmo, uma pessoa estivesse se descobrindo, redescobrindo, planejando, arrependendo.

Engraçado, é que os seres humanos só decidem refletir sobre a vida quando algo está dando errado, seguindo aquele conselho “em time que está ganhando, não se mexe”, isso pra mim é uma grande asneira, a gente está sempre crescendo, evoluindo, e se só porque estamos bem, decidimos deixar ela seguir “deixa a vida me levar, vida leva eu, sou feliz e agradeço por tudo que Deus me deu”.

Não, não, eu mesmo, depois dos bons e maus momentos que passei nessa vida tão curta, e ao mesmo tempo tão movimentada, sempre que posso, arrumo um tempo pra repensar meus atos, minhas escolhas, enfim, meu eu como um todo. Primeiramente eu revejo meus principios, pois, se você está bem com seus principios, então você está bem com sua vida.

O que me impressiona, é que cada ser humano tem um jeito de sentir sua própria alma, eu por exemplo, pego uma cerveja na geladeira, coloco uma música esperta, e fico admirando o céu, só por admirar, não que ele me traga paz ou algo assim, é só que, ele parece casar bem com a cerveja e a música. Estranho não?

Outras pessoas gostam de dançar. Sabe é como Pedro Bial em Filtro Solar “Dance, mesmo que não tenha aonda além do seu próprio quarto”. Aliás essa sim é uma bela mensagem sobre a vida humana como um todo, escutem, é sempre uma boa pedida. Se você gosta de dançar, DANCE, não fique esperando uma oportunidade, a vida segue um destino, porém as oportunidades e aventuras, quem cria é você.

Eu nem sei porque eu estou escrevendo esse texto, ele está com uma cara de auto-ajuda, acho que porque estou escutando “Dancing With Myself” do Billy Idol, que tive a ideia pra esse texto. Alias falando nessa música, eu tive que parar de escrever o texto pra dançar um pouco, essa música é contagiante!

No mais, enebriem-se com o aroma da vida, ela é única, não se arrependam, sigam em frente e peçam desculpas, mas não queiram voltar atrás, porque você vai acabar tropeçando se andar de costas. Afinal, três esquerdas dão uma direita, e ainda sobra a vontade para outra esquerda! Você só vai entender o sentido dessa frase tomando uma skol gelada… SHUISHUSUIHSUISHUHHSUIHUSI.

Filtro Solar – por Pedro Bial


4 Responses to “dancing with myself.”


  1. 1 Mrs.
    3 de novembro de 2009 às 2:53 PM

    Esses momento são tãããão bons….

  2. 2 Loli
    4 de novembro de 2009 às 1:42 AM

    eu queria baixar essa ‘musica’ de bial ha tempos!

  3. 3 @gugadomingos
    4 de novembro de 2009 às 6:16 PM

    Essa música do Billy Idol é muito boa pra dançar!! Adoro o Billy e essa música em especial!! Sobre o texto, isso tudo é uma grande verdade, as vezes só pensamos na vida quando estamos tristes e com problemas…acho q por isso a felicidade e o sentimento de ser amado por alguem, faz tão bem pra nós, pq faz a gente esquecer dos problemas do dia a dia da vida!!

  4. 5 de novembro de 2009 às 5:58 PM

    Fazia um tempao que eu num entrava aqui, pq estava meio ausente da blogolandia!
    Queridos, vcs escrevem muito bem!!!
    Estão de parabéns!!
    Beijos e sucesso


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: